Alegriazinha

Alegriazinha
Só agora sei
Nunca mais serei
Tristonha e sozinha.
Aprendi a amar
A me enternecer.
Teu singelo encanto
Leva devagar
De dentro de mim
O que faz sofrer
E rega com pranto
Teu doce jardim.
Anúncios

Deixar um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s